Look Mini da Semana: Júlia

31 de jan de 2013

OMG, voltamos com o look da semana. E eu juro que o dessa semana é muito especial porque, simplesmente é MUITO FOFO!

Mini look da semana, todas pira na fofura. A Júlia, Juju, é filha de uma amiga minha aqui de Buenos. Sempre super na moda e transada, a chica tem um caráter tão fofo que dá vontade de apertar. Com toda a pose, a mamis Alzira, decidiu fazer um Instagram da Juju pra poder compartilhar looks da mini chica. O melhor de tudo é que as roupas são argentinas, muito amor!


Hoje vou postar dois looks dela: esse aí de cima é um mix cinema. Vestindinho lindo da Complot, sapato e blazer da Zara.


Esse outro look é Hippie and Chic, da lindona da marca Kosiuko

A Alzira diz que as marcas que mais adora comprar roupas pra Juju são: Kosiuko, Zara e Complot mesmo. Além sererem fashion, tem estampas lindas, preço acessível e qualidade. Mas, ela enfatiza que sapatos e acessórios são, em sua maioria, da Zara.

Pra comer, a Juju curte Kansas! Isso porque lá tem o menu infantil: Hambúrguer Kansas. Ela também adora Wendy's no Alto Palermo com vários brinquedos pros pequenos. 

Pro lazer, elas vão muito ao Cinemark de Palermo, vão ver obras de teatro no Centro e também passeiam horrores nos Bosques de Palermo, especialmente, pra andar de bicicleta. O Peru Beach também está nas opções da chica. 

O Instagram da Júlia é www.instagram.com/juliafornara.

Juju, tenho certeza de que você vai ficar super famosa. Alzira, obrigada pelas fotos e por ceder elas aqui pro blog! Beso, chicas :)

NOLA, de New Orleans com escala no México

29 de jan de 2013

Muita gente usa o Trip Advisor como base pra montar o roteiro de viagem. Eu confesso que não uso muito, mas quando algo está no top things to do, daí você começa a dar bola. 

Foi o que rolou com o NOLA. Sim, com todas as letras em maiúsculas. O restô é um desses a portas fechadas comandados por gringos que moram em Buenos Aires. O que mais me chama a atenção nesses lugares é a experiência que o jantar proporciona.


O NOLA fica bem localizado em Palermo. Mas do outro lado do caos do Soho, atravessando a avenida Scalabrini Ortiz. Uma portinha bem simples, separa a rua do corredor lindo e omnipotente que leva a uma casa dos sonhos.


Pé direito super alto, teto de vidro que abre para receber fresh air e ainda a sensação de que, literalmente, você está dentro do casa da chef. Com sofás escolhidos pela mãe, quadros pelo pai e objetos colecionados em viagens. A música aqui faz o ambiente ser super acolhedor: um jazz, bossa nova que depois de uns vinhos te faz viajar.


O bom, e sim eu amo isso, desses portas fechadas é a quantidade de gente. Máximo 16 pessoas e olhe lá, separadas em três mesas: uma para duas pessoas, outra para seis e outra, comum, para ocho.


Isso faz com que a atenção seja mais do que personalizada. Os comandantes da casa, entre eles a chica responsável de New Orleans, Liza, explica cada prato a ser deliciado durante a noite.


E o chico, fica encarregado de explicar el maridaje de cada vinho selecionado para cada prato. Um luxo.


Por ser bem recomendado por muitas pessoas, a variedade de nacionalidades que por ali passa é imensa. Logo, english para todos. Mas não se preocupem, Liza e o chico sabem espanhol perfecto.


A comida, preparada com muito esmero, é uma fusão de cozinha de Nova Orleans, México e Argentina. Todo mês o menu muda, isso porque tem que usar produtos da estação, que sejam frescos. Os dois ainda comentam que no quintal da casa tem uma plantação de pimentinhas, um amor.


Fui, me sentei na mesa comum, alone by myself e me adaptei com uns vinhos aos inúmeros sotaques da mesa: americanos, australianos, poloneses, holandeses, alemães e euzinha de brasileira. Todo mundo falando inglês.


Logo que você chega é recebido com uma gostosa taça de espumante Hom Extra Brut 2011, Bodega Cava La Carmela. Confesso que sou tão tagarela que não tinha terminado a copa ainda quando veio o primeiro vinho à mesa: Torrontés 2012, bodega Amalaya. Sonho de vinho branco. Aliás, deixa eu só enfatizar que no pré jantar, todo mundo fica em pé, conversando caminhando pela casa, um charme.


O primeiro prato: gazpacho (humildemente traduziria para uma sopa fria) de manga com camarão, maçã verde, cebola, chilis, abacate, camarão cozido e banana. Como eu sou alérgica, não comi o camarão (avise antes se você tem alergia a algo, ok?). Amazing, puro sabor de verão. A mistura do docinho com salgado ficou uma delícia. Meio apimentadinho, mas só um pouco mesmo.


O segundo vinho da noite era Rosé, moda em Buenos agora. Vuela Rose, Malbec, Bonarda, Syrah, bodega Piedra Negra 2012. Para chicas, desce fácil que é uma beleza.


Tomatinhos verdes fritos, polvo, rúcula e molho de pimentão. Alta gastronomia de comer de joelhos.


Um tinto, please, Pasión Malbec 2010, Bodega Joffre. Fuerte, confesso que já depois de 4 copas eu estava falando muito bien inglês.


O principal e mais delícia da noite: carne de porco assada por mais de três horas em redução de molho chili com grãos orgânicos. Ohmylord, fazia muito tempo que eu não comia uma carne de porco tão macia, pra cortar com a colher. Simples assim.


Rolou, como eu disse, uma explicaçãozinha do porque do tinto com a carne de porco.


Um break com bossa nova ao fundo e umas cerejinhas bem gostosas para a aguardada sobremesa.


Antes, porém, um cosecha tardia. Tão amado pelos argentinos no momento: Fonde cave Tardive 2007 Cosecha Chardonay, Bodega Trapiche. Juro que sozinha tomaria uma garrafa, shiiii, mãe não lê isso.


Tortinha de blueberry (mirtilo, mas blueberry é mais legal), com manjericão e queijo de cabra. Doce na medida certa.


Ainda depois rolou conversa animada entre o povo da mesa e eu fui embora nas nuvens, literalmente, pela comida, pelo vinho, pela experiência e por entender uns 6 sotaques do inglês, diferentes.


NOLA funciona de sexta à domingo, só para janta. Tem que reservar, ok? Máximo 16 pessoas por noite.

NOLA
www.nolabuenosaires.com
Reservas: nolabuenosaires@gmail.com
www.facebook.com/NOLAbuenosaires
Preço por pessoa: 75 dólares.

Fotinhas por Buenos & Kansas!

28 de jan de 2013

Maoeeee, tentando deixar de lado a timidez eu convoquei a simpática Adriana Carolina para tirar umas fotinhas mías, pra por no blog. Eu não sei se vocês notaram, mas estou sempre mudando a foto de perfil... Meio que estou numa crise de identidade eheheh, acho que nenhuma nunca está boa e estou sempre recortando fotos minhas de balada pra por no perfil. Mas GRAZADEUS agora tem fotos lindas, mas só vou por as que escolhi mesmo quando o blog receber o novo design, OMG tá ficando super lindjo.

Bueno, aproveitando o talento da Adri, o Jorgito (nosso transfer oficial, veja aqui), veio com a gente. Eu juro que só dei risada o tempo inteiro ahaha.

Foto: Adriana Carolina.

Os dois me deixaram tão a vontade que, eu que nunca tinha tirado fotos boas, fiquei cômoda com a presença deles.

Foto: Adriana Carolina.

Ficaram super bonitas, né? Eu sou super tímida pra essas coisas, mas adorei mesmo assim. Ficaram super coloridas também. As vielinhas de Palermo Soho são especiais e um dos lugares que eu mais amo em Buenos. E é bom né, assim vocês me ''conhecem'' de uma vez por todas ahah. E assim, saibam que, ainda que o blog se chame ''Buenos Aires Para Chicas'', quem o faz sou euzinha da Silva. Só eu, não tem equipe atrás ainda que seria excelente.

Ê, fotinha com o transfer argentino-brasileiro que eu mais adoro na capital, Jorge. Aliás, Jorge, além de transfer é muito engraçado, ele é o culpado por eu ter saído em quase todas as fotos rindo a toa, ahahha. Um fofo.
Foto: Adriana Carolina.

E a queridona e culpada das fotos em sua totalidade, Adriana Carolina. Adri, muchas gracias pela buena onda. Gente, eu juro que esses dois juntos não prestam ahaha.

Foto: Adriana Carolina.

Mas como somos bons de garfos, aceitei a pedida e fomos do Soho direto pro Kansas, restô delicioso de comida americana aqui em Buenos. Leia-se quase um Outback, só que bem melhor. E se há algo que eu sempre me impressiono lá é que: SEMPRE está cheio, de segunda a segunda, até nos horários mais bobos da vida. E, ainda que sempre esteja lotado, a comida NUNCA é ruim, aliás, é sempre MUITO boa.

Nós começamos a jantinha (em horário brasileiro, 20h pra não pegar fila na reserva), com uns Kansas Rolls. Enroladinhos fritos (não vem aqui se você está de dieta), com tudo e mais um pouco dentro. O toque especial fica pelo molhinho branco do lado ali, um cream cheese caseiro.

Foto: Adriana Carolina.

Mas, a salada Caesar deles é especial. Várias revistas e sites dizem que é a melhor de Buenos so far, eu apoio a opinião e engrosso a massa popular que vem aqui não só pela ensaladita. É MUITO BOA, peloamor.

Foto: Adriana Carolina.

Pedida clássica, Ribs. Obviamente, não tem erro. E se você curte os ribs do Outback, vai querer que um Kansas abra no Brasil, te juro, vai por mim. Porque é bom, mas com carne argentina é melhor ainda!

Foto: Adriana Carolina.

Cof, cof. Pra coroar a noite, uma sobremesa bem gorda!

Foto: Adriana Carolina.

E a Adri fez questão de registrar o belo momento: brownie com sorvete e calda extra de choco caliente. OHMY!

Foto: Adriana Carolina.

Gente, meu dia foi muito excelente: fotos lindas da Adri, a super buena onda do Jorge e ainda Kansas, sem erro nenhum!

Adriana Carolina
www.facebook.com/adrianacarolinafotografia
www.adrianacarolina.com.ar
www.adrianacarolina.com

Jorge. Leva Eu - Transfers
www.facebook.com/LevaEuTransfersPersonalizados

Kansas
www.kansasgrillandbar.com.ar
Avenida del Libertador 4625 - Las Cañitas.
Preço médio por pessoa: 140 pesos.

The Shamrock: ''O'' pub da Recoleta

25 de jan de 2013

Sexta é dia de happy hour, né? Como os argentinos dizem: after ofiice. Bueno, eu amo a Recoleta, mas ainda acho que por lá tem poucas opções de bares. Tem: Million, Álamo, Beer Company e não muitos mais.  Eu não sei porque, mas tinham mais por lá e não sei desde quando eles saíram dali para ganhar outros bairros. 

Por isso, hoje, tem O pub da Recoleta. Não porque ele seja lindíssimo, maravilhoso, inesquecível... Mas é porque é umas das melhores opções do bairro: The Shamrock.


Antes era destino certo dos gringos, mas com o auge do Sugar e do Magadalena's Party, ambos em Palermo Soho, o local é mais frequentado por argentinos mesmo.


A pedida ali é ir quinta, sexta e sábado. Quando enchem de argentinos que saem do trabalho para curtir uma night mais cedo. Umas 21h é horário legal para chegar.


O bar tem happy hour acho que até a meia noite. Então vale a pena chegar antes desse horário.


Na barra, sempre é legal sentar.


Entre as promos, tem 2x1 em cervejas. Acho que eram duas por 45 pesos.


E a Smirnoff Ice local, que não é lá muito boa, mas desce: duas por 25 pesos, ou 30. Não me lembro direito, mas era barato.


Dá para pedir chopp na promo também.


E se tiver com fome, a pizza é correta. Acho que não era nem 30 pesos.


Que eu me lembre gastei 50 pesos. Pedindo um happy hour e dividindo uma pizza de 4 pedaços com outra amiga. Não dá para saber quanto em média se gasta porque depende do quanto você bebe né. Mas o Shamrock é direitinho e tem balada no piso debaixo depois da meia noite, o Basement.

The Shamrock
www.facebook.com/TheShamrockba
Rodríguez Peña 1220 - Recoleta.

Curtir Mais, Gastando Menos em Buenos

23 de jan de 2013

Com o sucesso das vendas do guia de final de ano que eu e a Mari, do Querido, fizemos; resolvemos fazer outro! UHUUUUUUUUU, todas comemora.

Esse tem mais vida longa que o outro porque você pode comprar quando quiser e vale por bastante tempo já que fala sobre algo que todo mundo ama: lugares cool que não são o olho da cara. 

Então é isso, lindonas, 30 páginas com dicas para aproveitar essa Buenos show que tanto amamos sem deixar as calças aqui ehehe. Mas olhem: além de ter dicas baratas mesmo tem dicas desses lugares meio chiques que tem promo durante semana, ou tem um almoço mais em conta. Ou aquele bar que tem um belllloooo happy hour. Ou seja, tem pé sujo? Tem. Tem comida por menos de 6 pesos? Tem. Tem aquele restaurante que você quer ir mas acha que é caro? Tem também, UEBAAA! Porque, como boas vizinha, sabemos onde rola e o que rola por aí para você aproveitar horrores.
Ou seja, menos custo, mais benefício = utilidade pública!


No guia tem:
- Restaurantes que amamos por menos de 35 reais por pessoa.
- Comidinhas delícia e em conta na capital.
- Barzinhos ótimos, com EXCELENTES happy hours.
- Lista de restaurantes, cafés e bares onde mulher tem desconto, programinhas grátis, festivais culturais e muita buena onda!


Bueno, o guia custa R$ 10, babaaaaa demais e super em conta e vocês podem pagar através da plataforma do Mercado Pago, que é de confiança e aceita vários meios de pagamento: desde depósito bancário até cartões de crédito.

Anotem: comprado o guia, nós recebemos um e-mail com a confirmação do pagamento e o seu e-mail junto. Somente com a confirmação do pagamento é que enviamos, ok?
O arquivo é entregue por e-mail entre as 10h e 22h horário de Brasília, num lapso de até 8h confirmado o pagamento. Entendeu? Mas nunca demora tanto, isso é só em caso de urgência :)
Qualquer dúvida é só gritar por socorro aqui, no facebook ou no twitter. Ahhh, vale lembrar que os pagamento feitos por depósito bancário são aprovados só depois de 5 dias úteis pelo sistema, beleza?

Pagar

Sites de Utilidade Pública

22 de jan de 2013

Até mesmo eu, com tanto tempo de moradia aqui, preciso de uma lista de favoritos para poder viver na cidade. Acho tão útil contar com esses sites aqui, que resolvi compartilhar a minha pasta com vocês.

Para ir de um lugar para o outro: Mapa Interactivo de Buenos Aires
Esse site é do governo e não tem coisa MELHOR na vida para saber que bus pegar, que metrô pegar ou trem. Sério mesmo, acho que é um dos sites que eu mais uso. O mecanismo é bem simples: só digitar de onde você está saindo, para onde quer ir que o site te mostra qual a melhor opção. Para acertar na mosca, melhor saber o número certinho que você quer ir na rua. Mas se souber só a intersecção também vale. Por exemplo: você pode por Armenia y Costa Rica, ao invés de Armenia 1700. www.mapa.buenosaires.gov.ar

Para clima e temperatura: La Nación ou Clarín
Ainda que eu repita mil vezes que clima e temperatura se veem por inúmeras páginas, ainda recebo todo dia e-mail me perguntando como está o clima por aqui. É simples: só entrar nos sites desses dois grandes jornais que logo no cabeçalho vai ter a temperatura atual. Se quiser saber mais sobre a previsão é só clicar em cima do solzinho ou nuvem que aparece ali. Para o La Nación, acesse aqui. Para Clarín, aqui.


Para saber câmbio: Banco de la Nación Argentina
Outra coisa que sempre me perguntam também, o câmbio é só entrar no site do BNA e ver a tabelinha que sempre está atualizada por ali. www.bna.com.ar

Para saber quais festivais culturais rolam: Agenda Cultural do Governo
Esse site é super legal, contém vários festivais patrocinados pelo governo da cidade. São tantos que até tem site próprio. Só acessar para saber qual você vai pegar enquanto estiver por Buenos. ww.agendacultural.buenosaires.gob.ar

Para saber sobre voos: Aeropuertos Argentinos 2000
O site da Infraero local, digamos assim, é bem organizadinho. Ali dá para saber as situações dos voos no momento, assim como qual serviço está disponível em cada aeroporto (banco, remis, táxi, ônibus, lojas, etc). www.aa2000.com.ar

Para saber sobre feriados: Ministerio del Interior
A página oficial do Ministério do Interior aqui na Argentina, tem um calendário bem organizadinho com todos os feriados que rolam durante o ano. Vale saber que os feriados inamovibles, são aqueles que não mudam de data e que se respeitam, independente do dia da semana que cai. Já os trasladables, são aqueles que mudam de dia da semana (aqui é muito comum que um feriado que cai na sexta-feira passe para a segunda, ou que o que cai na terça passe para a segunda, para assim as pessoas aproveitarem melhor o descanso). Já os dias no laborales, são meio facultativos porque são da religião judaica e, geralmente, só judeus que tem comércio ou que trabalham podem descansar durante esses períodos. Entra aqui!

Para saber quanto custa o táxi: Viajo en Taxi
Essa página eu já até coloquei aqui no blog uma vez mas não me lembro em qual post, é bem interessante. Para saber mais ou menos quanto você vai gastar de táxi, é só colocar de onde sai, para onde vai e calcular. Não se assuste eheh. www.viajoentaxi.com.ar


Para saber sobre todos os restos da vida: Guia Oleo
Ainda que o Guia Óleo já tenha passado pelo ápice da fama e que, hoje, não seja tão bom como era antes, ainda é um dos melhores sites para procurar algum restaurante bom. Acho que, sem brincadeira, todos os restôs da cidade estão catalogados ali. Só cuidado: os comentários nem sempre são verídicos, e sempre os primeiros locais que aparecem na lista de procura são patrocinados. De resto é ótimo para saber onde cada lugar fica, que horas abre, se aceita cartão, etc. www.guiaoleo.com.ar

Para pedir delivery sem tocar no telefone: Buenos Aires Delivery
EITA SITE BOM! Eu odeio falar ao telefone, gentchy, ceis não tem noção. Mas o BA Delivery, me salva. O site é bem simples de usar. É só colocar onde você está que ele lista uma porrada de locais que te entregam "em casa" (hotel, apart, etc). Você seleciona o local, faz seu pedido (cuidado que tem restaurantes que tem mínimo de valor para entregar e alguns cobram pelo serviço, mas é só ficar esperto), depois da página de confirmação coloca seu endereço bonitinho (não precisa se cadastrar). Na página de confirmação pode por nos comentários se o local é um ap, hotel, etc; ali também você coloca quanto você precisa de troco (só aceitam dinheiro). Depois de feita a encomenda, um e-mail chega e você vê. Se está tudo ok é só esperar o segundo e-mail de confirmação. Se tem algum erro é só responder ao mesmo e-mail refazendo o pedido. O último e-mail vem com horário estimado para a entrega. AMO DEMAIS! www.buenosairesdelivery.com

Para saber o que rola na night: Vuenos Airez
Esse site é um dos poucos que eu conheço que diz qual festa está rolando em cada lugar da capital. É bem interessante. www.vuenosairez.com

Para saber sobre shows
Eu já fiz um post aqui com vários sites para ir acompanhando quem vem em qual data para a cidade. Acessa aqui porque ele está BEM completo.

Para saber sobre filmes: Cines Argentinos
Eu adoro esse site, uso ele desde que cheguei em Buenos que eu não tinha muita coisa para fazer e só via filme aahah, enfim, ali estão listados todos os filmes que passam em todos os cinemas da cidade. É só entrar no Horario de los Cines, e filtrar por filme ou por cinema mesmo e listo! www.cinesargentinos.com.ar


Para saber do trânsito: Movilidad Buenos Aires
Site do Governo também, ótimo para saber se tem greve, quais ruas estão cortadas, qual o estado do subte, etc. www.movilidad.buenosaires.gob.ar

Para saber sobre Bibliotecas: esse site aqui lista todas bibliotecas da cidade. Pra quem tem que estudar é uma boa.

Para saber sobre o turismo
O site oficial do turismo porteño, também do Governo, é uma mão na roda. Lista vários lugares de modo ordenado que você tem-que conhecer na cidade. www.bue.gob.ar - a página também está disponível em português, BABA.

Para saber sobre hotéis, albergues, agências de viagem, alugel de carro, etc: Welcome Argentina
Esse site é uma mão na roda. Você pode usar ele tanto a nível Buenos Aires, como para qualquer cidade argentina. É suuuuper organizado, lista vários serviços em várias cidades e é perfeito para organizar a viagem. www.welcomeargentina.com - geral. Sobre Buenos Aires: www.welcomeargentina.com/ciudadbuenosaires

Ufa! Listei muiiiita coisa. Indica mais algum aí embaixo!

O Escondido e Lindo Pasaje Coco Marie

21 de jan de 2013

Eba! Voltando aos poucos com os posts depois de merecidas férias, vou começar com um dos lugares que eu mais amei descobrir nesse verão. O lugar é uma delicinha e entrou pro meu top cafézinhos de Palermo Soho.

Sabe desses dias que você não quer fazer nada da vida? Só deitar e dormir? Então, eu estava num dia desses: tinha saído mais cedo do trabalho e fui embora para casa. Mas, loooonge de poder deitar e dormir, eu tinha que tocar pelas bandas do Soho para resolver umas pendências. Daí que passeando pela Armenia, atrás de um restaurantezinho tranquilo para comer algo, eu achei essa loja aí embaixo. É, eu estava mesmo afim de comprar um biquíni.


A loja é bem bonita e vende bíquinis super legais. As estampas são ótimas. Acabei não comprando nenhum porque a maioria dos bíquinis aqui na cidade são fio dental, e eu não curto essa onda. E ainda que, geralmente os benditos sejam meio caros aqui, eu não achei essa loja um absurdo: em torno de 250 pesos um bom conjunto. Enfim, o local também vende Havaianas, mas isso não pense em comprar.


Acontece que no corredor da loja tinha umas caixas, meio vazias, de laranja, achei interessante.


Mas, eu achei mais amor ainda esse café super mega escondido aos fundos da loja. Gente, que delícia!


Tudo novinho, tudo com ares de menininha, tudo que eu estava procurando naquela tarde.


Bem porteño mesmo o local, sabe? Desses que você pode se sentar e ler jornal, revista, levar computador... Ficar 7h por lá sem ninguém te encher o saco. Tenho paixão eterna por casas assim.


O menú me pareceu bem convidativo. Aliás, menu aqui se chama carta (literalmente o deles era uma carta).


Bom, eu pedi um croque monsieur. Pãozinho macio com queijo derretido e presunto. Não tem como errar, né? Mas, eu achei que estava bem suculento. Não sei se era minha fome, mas gostei mesmo. Me satisfez na metade do segundo pão de tão recheadinho que estava (ainda que não aparente estar muitooo na foto).


Mas minha paixão e razão para voltar lá foi esse suco aí embaixo. Eu juro que eu nunca tinha visto bebida mais linda: jugo de arandános e frutilla. Dame diez!


Pronto, me apaixonei pelo Coco Marie :)

Pasaje Coco Marie
Armenia 1764 - Palermo Soho.
Para ver os biquínis da marca: www.lovecocomarie.com
Preço médio por pessoa: 50 pesos.
SUBIR
Buenos Aires para Chicas . Todos os direitos reservados. © Maira Gall .