Mantendo a forma em Buenos Aires

30 de set de 2013

Segunda é dia internacional da dieta, né? Haha, eu acho chato demais fazer dieta e por isso invisto em exercício físico. E atendendo a pedidos, estou eu aqui fazendo post para quem quer manter a forma em Buenos sem precisar fechar demais a boca.

- Corridas & Maratonas
O pessoal aqui sai muito para correr, seja em parque ou praça ou rua mesmo no meio do povo. Acredito que seja a maior fonte de queima de calorias dos porteños. Aqui também tem muitas equipes de corridas e maratonas.


As equipes de corridas às vezes são pagas e outras não. De qualquer maneira a maioria dos treinadores você pode encontrar nesse link aqui: Running Teams. São quase todas as equipes que saem para correr, alguns têm uns treinamentos mais completos, outros mais simples. Essa modalidade é boa tanto para quem vem para morar ou para passeio porque tem vários com opção de pagamento por dia. Importante: todos esses running teams são em área livre, ein! Não esquece.
Já nesse site aqui, Guia Maraton, você encontra toda e qualquer informação sobre as maratonas que ocorrem na cidade, são muitas! Só lembrando que nos parques você pode correr, caminhar, alugar bicicleta na hora, alugar patins, ou só tomar sol.

- Yoga & Pilates
Pilates na Well.
Ao contrário do Brasil, Yoga e Pilates aqui são mais em conta. No geral, o máximo que você vai pagar são 400 pesos para três aulas por semana, de uma hora cada. Em muitas academias têm aulinhas, mas também aqui tem locais especializados no assunto. Eu já fiz pilates na Megatlon e no Well Club, gostei de ambos. Achei no entando que na Megatlon era mais exercício e na Fitness era mais yoga. Já yoga, têm muitos lugares e cada um tem sua filosofia, depende do que você quer.

É muito difícil citar os melhores locais porque são tantos! Uma pesquisa no Google ajuda demais, tipo assim pra yoga e assim pra pilates. Em ambos a escola sempre cede uma aula grátis para prova, e tem opções para pagar por dia, mensal, trimestral, etc.

- Academias
Existem muitas também, mas é importante saber que existem vários tipos. Umas mais simples que ficam em prédios mesmo, comuns, ou em cima de casas residenciais. Essas são academias de bairro que passam muuuuuuito desapercebidas e só morando mesmo perto para saber que elas existem ehehe. Geralmente são as mais em conta e não tem aquela infraestrutura e nem tanta diversidade de aulas.

Foto: Megatlon Alto Palermo.

Outra opção são as academias personalizadas, que são montadas específicamente para algo, tipo a Curves, só para mulheres, ou estúdios de dança. São mais caras, mas você tem outro tipo de treinamento nelas.
E existem as grandes redes, que eu diria que são duas mais conhecidas: Sport Club e Megatlon. Ambas são parecidas e são as mais caras, também. Isso porque tem uma beeela de uma infraestrutura.

Facebok da Mega é cheio de incentivo, necessário ahaha.
Eu faço na Megatlon. E assim como a Sport Club, tem vários planos que você pode aderir, desde o básico até o Platino Plus. Cada plano te dá certos benefícios e tem seu custo. Algo comum em todas as academias aqui são esses planos: a mais longa duração, mais baratos. Portanto, contratando um plano anual você paga mais barato por mês, só que esses planos extensos são pagos só com cartão de crédito porque é daí que vem o desconto sempre.

Uma mensalidade na Megatlon pode variar de $400 a $1200 pesos por mês, dependendo do plano que você fizer e da modalidade de pagamento. Mas, nessas academias grandes não vale a pena pagar por mês porque saí o olho da cara. Mínimo 900 pesos por mês, mínimo. Por outro lado, a quantidade de aulas que tem é grande e os planos mais completos oferecem academias abertas das 7h da manhã às 23h da noite, o que não é muito comum em Buenos Aires.
Importante: nessas academias de rede tem piscina. Aqui natação é caro em comparação ao Brasil.
E ah, nesse site aqui, Entrena Ya, tem todas - ou quase todas - academias da cidade, você pode por o endereço da sua casa que ele vai localizar pra você a mais perto.

- Crossfit
É a nova moda da cidade e vai bem se você quiser pagar por aula. Mas o ritmo é intenso demais. É tipo treinamento militar, não indicado pra quem está fora de forma. As aulas são rápidas e, de novo, intensas. As academias mais conhecidas são: Bigg CrossFit, Tuluka, Rex e Underdog. Em cada site você encontra preço.

Dale, en forma!

1 Bairro, 1 Turista, 1 Hotel

27 de set de 2013

Vamos fazer um post divertido: 1 Bairro, 1 Turista, 1 Hotel. Se eu tivesse que categorizar cada bairro com um tipo de turista e ainda escolher um hotel para essa pessoa essas seriam minhas opiniões:

Palermo Soho
Pra quem quer chegar se achando local. Hotel: Soho Point.
Meus comentários: eu ainda acho que é um dos melhores bairros para se hospedar, principalmente se você vem sozinha ou com grupos de amigas que querem sair sempre. É bem localizado e cheio de mimices. Existem vários outros hotéis que eu recomendo por lá que tu pode ver nesse post aquiReserve!


Palermo Hollywood
Pra quem queria ficar em Palermo Soho mas não sabia que do outro lado da avenida Juan B. Justo já era outro Palermo. Hotel: Fierro.
Meus comentários: na real eu acho que não tem diferença ficar aqui ou no Soho. Soho tem mais lojas, mas Hollywood tem mais cafés fofos (veja aqui) e restaurantes deliciosos. Para ver mais opções de hotel por lá, acessa aqui. Reserve!


Centro
Pra quem não lê o blog. Hotel: Ibis.
Meus comentários: sem comentários. A única ressalva é que está perto das atrações turísticas.

Villa Crespo
Pra quem ama comida e se acha foodie. Hotel: Querido.
Meus comentários: se você ficar lá vai passar mal de tanto comer. Não há muitas opções de hotel se não o Querido. Fica no miolo dos outlets e compras de couro também. Reserve!


Recoleta
Pra quem já veio para Buenos e não gostou do Centro. Hotel: Mio.
Meus comentários: é o bairro mais sofisticado, eu recomendo para famílias e casais mais velhos. Outros hotéis por lá aqui. Reserve!


Puerto Madero
Pra quem quer se mostrar. Hotel: Madero.
Meus comentários: acho uma ilha esse bairro, é bonito. Mas né, é longe de tudo. Outras opções de hotel por lá, aqui. Reserva!

San Telmo
Pra quem acha que ficando lá vai gastar pouco com hospedagem e acaba gastando em táxi. Hotel: Moreno.
Meus comentários: é o bairro que mais tem concentração de hostels (outro dia eu faço um post especial sobre). Mas não é muito seguro, como comentei nesse post aqui. Reserve!


Las Cañitas
Pra quem já morou aqui. Hotel: casa do teu amigo. Mentira, tem um que eu adoro o Polo Suites.
Meus comentários: quem fica aqui é local já.


Nesse post aqui você tem noção de qual bairro é melhor se hospedar.

3 Bares para Aprender a Beber

26 de set de 2013

Quem me segue no Instagram e no Facebook sabe que eu sempre estou postando fotos de drinks. A realidade é que eu adoro beber cocktails bons, mas bons mesmo nada de vodka misturando com frutas, ou de energizantes com outras coisas.

Buenos tem uma coqueteleria incrível, que Brasil deveria copiar (é certo que uns bares pelo Rio e São Paulo fazem coisas deliciosas, mas acho que tinha que ser mais massivo com a quantidade de ingredientes que temos). Enfim, nisso eu acabei conhecendo muitos bartenders e acabei virando amiga de outros. Resumindo: aprendi a beber, beber bem. E aqui vou citar três bares para você que quer fazer o mesmo e não sabe por onde começar.

Basa é do mesmos donos que o Gran Bar Danzón. É um bar bem de estilo nova iorquino, se parece a um sótão de Brooklyn, uma delícia. A música é envolvente e os meninos que atendem sabem muito do negócio. Sabem tanto que só dizer pra eles que tipo de drink que você quer que eles fazem: cítrico, suave, doce, amargo, etc.


Eu recomendo aqui esse que vai gin, limão e hortelã. É bem refrescante, e você não sente o gosto do alcool.


Depois se você quiser pedir algum especial pros meninos da barra (Ludovico e Flocco são os que sempre estão por lá), você pode pedir algo com chá gelado, gin e pepino. Sim, eu garanto que parece um suco.


Outro delícia é esse aqui de corazones, que eu não sei o que vai além de clara de ovo. Você pode pedir pra eles fazem o drink com bitter de corazón y clara. Eles vão saber qual é. Esse é bemm docinho e suave. Bem para chicas.


Outro bar que eu curto bastante é Verne. Mas não vá pra lá procurando agito, o bar é mais pra tomar algo sentado escutando uma música meio jazz no fundo. Aqui é legal sentar na barra porque o bartender Cuco (nota: ele entende português) explica cada coisinha do que ele está fazendo. É ideal para quem quiser se adentrar mais no mundo da coqueteleria.


Um dos drinks que eu mais peço lá é o de jazmin blanco com chá, mas não é apto para quem começa agora, porque é meio seco. Mas tem um que eu pedi da última vez que é novo e vai bitter de lavanda (amo), cointreau e gin. Um sucesso. Só falar pro Cuco que você quer o drink que vai lavanda, da Amanda, ele sabe qual é :).


Mas um delícia que dá para pedir sem medo é o French 75, super clássico que vai champagne. Para chicas também.


Pony Line, é outro. E último. Escolhi ele porque além de ser lindo e ficar dentro do Four Seasons, tem drinks bons e suaves. Todos os que eu pedi, pelo menos, era mais girlies. Tipo esse da foto que era com lavanda e vinho, uma combinação diferente que ainda levava laranja.


Pony é mais frequentado por homens, mas você pode se sentar à barra também se sentir a vontade para isso. O bar é bem lindo.


E ainda tem que pedir muito um terere alcoólico. É tipo mate, sabe? O líquido para infusionar é feito com gin e frutas cítricas e parece que você está tomando um mate gelado, muito muito bom. Recomendo super.


Endereços:
- BASA: Basavilbaso 1328, Retiro/ www.facebook.com/Basabar.
- Verne: Avenida Medrano 1475, Palermo/ www.facebook.com/VerneClub.
- Pony Line Bar: Posadas 1086, Recoleta/ www.facebook.com/PonyLine.

A partir do mês que vem vai começar a rolar tour de bares pela cidade, serão três e eu vou acompanhar. Manda e-mail para reservar! Cada noite vai ter no máximo 10 meninas e 3 bares, buenosparachicas@gmail.com, besos.

Meus Cafés Preferidos em Palermo Soho

24 de set de 2013

Meu intuito com o blog é começar a desbravar outros bairros, mas Palermo é tão montanha russa que cada vez que eu vou vejo algo diferente, ou que fechou ou sei lá.

Enfim, para resumir de uma vez por todas tive a ideia (? - não sei bem se chamar de ideia) de fazer um post 'final' dos cafés que eu mais curto no bairro. Na real vou fazer isso com cada bairro, ok? Começamos pelo Soho. Ah, só uma coisinha: eu pensei em colocar todos e dar a minha opinião sobre cada um, mas são vários e tem uns que realmente não valem a pena nem colocar. Então vou tentar fazer um mix entre a minha opinião, os que eu mais curto vou deixar claro.

El Último Beso: a razão pela qual eu comecei o blog
Sim, foi aqui que eu decidi começar a escrever o blog. Me lembro que quando entrei naquele local, olhei para tudo aquilo e pensei ''não é justo que só eu conheça isso''. As comidas são boas, mas o charme é a decoração, tudo muito frufru mimi, romântico que só. Já fiz um post aqui sobre ele. Nicaragua 4880.


♥ Casa Mua: do outro lado e delicioso
Fica do outro lado do Soho, mas vale a caminhadinha de 5 quadras para isso. É grande, tem umas saladas com macarrão de chorar e toda a patissier é gostosa. A Ale, do Café Viagem tem um post de lá. Soler 4202

Coco Marie: um dos mais fofos de comidinha boa e escondido
Escondido nos fundos de uma loja de biquíni, o Coco é puro charme: tem um décor bem lindo e mimoso sem ser enjoativo. Dá a sensação de que você está em uma ruazinha de alguma cidade europeia. Já fiz post dele aqui também, dá uma olhada. Armenia 1764.


♥ Efímero Festín: o que quase ninguém conhece e que é ótimo
Só tem comidinha de responsa e quase ninguém sabe que ele existe. A Naiara do Pindalolas, tem um post apetitoso sobre ele. Uriarte 1413.

Decata: a joia que quase ninguém conhece
Essa é a minha mais nova joia rara. Eu sempre amei a Paul French Gallery (post desse charme aqui), uma loja de decoração super francesa escondida em um jardim do bairro. Acontece que faz pouco tempo eles abriram um café ali no meio, com luzes natalinas, chás deliciosos e bolos gostosos. Aqui o que vale é a experiência toda: desde o ambiente até as comidinhas. Gorriti 4865.


♥ Nucha: de filial e bem fofo
Um dos poucos de filial que eu curto pelo bairro, só tem comidinha boa. Armenia 1540.

Bartola: o que só é lindo
Eu já comentei nesse post aqui que o Bartola é lindo, mas que não tem comida boa e que a atenção deixa a desejar. De qualquer maneira se você está por Palermo vai se apaixonar por ele e nem vai ligar para o que eu estou dizendo ehehe. Gurruchaga 1795.


Pierina: nome e decoração de casa de vó
É um dos muitos do bairro, não tem nada assim que o deixe melhor que os outros. Uma opção a mais com cara de casa de avó. Já tem post dele aqui, vem ver! Gurruchaga 1875.


Cocu Boulangerie: pães franceses gostosos
Eu já fui lá e não fiz post, mas a Mari do My Villa Crespo, fez esse post aqui. É meio novo, um charme porque todos os atendentes são franceses (morrrrrrri) e os pães são a sensação do local. Malabia 1510.

La Panera Rosa: crepes e waffles
Tem gente que reclama também daqui, a real é que é um dos poucos do bairro que faz waffles bons, por isso resolvi colocar na lista. Tem um post meu deles no Destemperados. Jorge Luis Borges 1685.


Pehache: novinho, com décor e comidinha boa
Também fica escondidinho, mas nos fundos de uma loja linda de decoração que você vai ter vontade de comprar tudo. É novo, então tudo ainda está bem cuidado e o menu deles é bem apetitoso. Também tem post deles aqui. Gurruchaga 1418.


♥ La Salamandra: puro doce de leite
É a loja da marca de doce de leite que eu mais amo na vida, La Salamandra. Tudo aqui tem doce de leite, atenção pro milkshake de banana e doce de leite, e pros cuadrados de coco y dulce de leche. Só não passa mal com tanta doçura. El Salvador 4761.

Felicidad: delícia de chocotorta e sorrisos
Eu fui da última vez e fui meio mal atendida, mas quero pensar que o menino tava de TPM. Enfim, é uma das chocotortas que eu mais gosto na cidade, e toda a ideia é fofa: até os guardanapos tem sorrisinho tierno! Post aqui! Gurruchaga 1711.


♥ Mark's Deli: o clássico
Acho que é um dos mais clássicos do bairro. Existe desde que eu me entendo por gente, seeeeempre está cheio e os atendentes são super legais. Tudo, tudo é bom, as saladas, os cafés (principalmente o Mocha Cappuccino) e um doce que vai açúcar de confeteiro em cima que eu não sei o nome. El Salvador 4701

Muma's: os primeiros cupcakes
É meio que obrigação passar pelo Muma's, foi a primeira casa de cupcakes de Buenos Aires e tá firme até hoje. Se der para tomar um café, ótimo, caso contrário você pode passar para levar. Os meus preferidos, estão nesse post aqui. Malabia, 1680. 


Bblue: natureba e gostosinho
Boa opção pra quem curte comidinha natureba, ótimo pro calor. Post aquiiiii. Armenia 1692.


♥ Libros del Pasaje: entre livros e cafés
AMOOOO, eu amo esse lugar, amo que tem um café junto. O café não tem nada demais, mas só de estar na livraria eu amo. www.librosdelpasaje.com.ar. Thames 1762.

Muu Lecheria: cara fofa e merienda simples
Ceis sabem que eu não curto muito, mas acho que pra tomar um café da tarde, vale. Ou para milkshakes, só. Esse post explica melhor o que eu acho de lá. Armenia 1810.


Fifi Almacén: super green
É meio novo também, fui lá faz um tempo e pedi um suco que eles tiraram a planta da própria horta pra fazer, quase morri de amor. Beeem green. Não tem opção não natureba por lá. www.facebook.com/FiFí-Almacén. Gorriti 4812.‎

Scarlett: cheesecakes para levar para casa
Pra quem ama cheesecake. Não dá para sentar, mas dá para comprar isso aqui nesse post aqui e babar em casa-hotel. Nicaragua 4457. 


Lattente: o melhor café (estilo speakeasy)
Esse é meu segredo guardado a sete chaves, não é lindo, mas tem os melhores cafés de Buenos Aires. Os meninos são colombianos e já ganharam vários prêmios de melhores barristas (gente que faz arte em café). www.facebook.com/LATTEnTEArgentina. Thames 1891.

Le Pain Quotidiene: o internacionalmente conhecido muito bom
Ufa, últmo e não menos importante: Le Pain é sensacional. E tem em vários lugares do mundo, o chocolate quente dele vem com um potinho de chocolate extra do lado. IMAGINA! Tem post meu deles no Destemperados. Armenia 1641.


Tem café pra vida inteira.

Chicas Brasileiras que Fazem Bonito Aqui, PARTE I

23 de set de 2013

Hoje vou tirar o dia para falar de três chicas que eu conheço e que, na minha opinião, ahazam aqui na cidade. Cada uma delas tem uma história de vida diferente, e aqui a ideia não é contar detalhes sobre isso, mas mostrar que mesmo se mudando de país você pode sim, fazer sucesso fora. 

Mari, Hotel Querido
A Mari além de 'sócia' nos guias que vendemos aqui no meu blog e no dela, é dona do Hotel Querido junto com o marido Ali, que fica na Villa Crespo. Mari é baiana, ama Salvador e tem um sotaque lindo. Mari é tranquila, muito cool, sabe de tudo do bairro que mora e está aqui em Buenos há 8 ou 9 anos. Me lembro que a conheço há uns 3 anos mais ou menos, quando nos encontramos no Sipan por casualidade. Quando eu comecei o blog ela me ajudou bastante e hoje trocamos figurinhas.


Mari também tem o blog, o My Villa Crespo. Mas a razão pela qual ela está aqui é pelo hotel. A admiro muito por ter conseguido fazer do Querido um local tão a cara deles (dela e do marido) e ser referência de hospedagem para muitas pessoas. Quem fica no Querido e acaba por ventura conhecendo a dita cuja, sabe do que eu estou falando. Mas, ó: não espera que a baiana clichê, Mari é cool e nada a ver com a propaganda de Salvador ehehe, mas ama uma comidinha nordestina.

Clica na foto pra ver minha review do blog.

Adri, Adriana Carolina Fotografia
Acredito que vocês já conhecem também a Adri, fotógrafa divertidíssima aqui. Adri eu conheci pela internet, nessas ondas de vai e vem entre facebook, twitter e blogs. E assim que nos conhecemos bateu aquela conexão de ''eu sei do que você está falando''. Adri é carioca, e assim como você imagina que uma carioca é: alegre, colorida, divertida, sempre alto astral.


A razão pela qual ela está aqui é pelas fotos que tira. Adri tem um olhar único e faz disso lindos álbuns de casamento e e-sessions tours pela cidade. Perfeito pra quem vem pra cá e quer levar uma linda lembrança da capital porteña. Tem garra, força, determinação, entre indas e vindas conquistou até mesmo um público argentino para as suas fotos (o que, convenhamos, não é nada fácil).


Mari, Mariana Zago Festas
Conheci essa chica no final de semana. E assim como a Adri eu conhecia o trabalho da Mariana pela internet. Vivia vendo festas de crianças (porque amo ver) e amava uma em especial de uma menina linda. Acontece que com o passar do tempo, acabei me dando conta de que as fotos eram da Adriana e que a festa, nada mais era que feita por uma paulistana que morava em Buenos Aires.


Achei demais, e a partir disso passei a admirar mais o trabalho da Mariana. As produções são incríveis, cada detalhe, cada ideia é de suspirar. Já estou até programando minha festinha do ano que vem (alocka ahaha). Não conheço a história da Mariana e tampouco sei muito mais detalhes sobre as festas lindas que ela faz por aqui. Não perdem em nada para produções internacionais.


Para conhecer mais sobre o trabalho dessas chicas, acesse:
- Mariana Pereira - Hotel Querido: www.facebook.com/queridobuenosaires ou www.queridobuenosaires.com.
- Adriana Carolina - Fotografia: www.facebook.com/adrianacarolinafotografia ou www.adrianacarolina.com.ar.
- Mariana Zago - Party Design: www.facebook.com/Mariana-Zago-Party-Design ou www.docinni.com.

Viram chicas? Quem quer vence na vida, mesmo fora de casa! 
Esses são exemplos cotidianos, mas claro que tem muito mais! Buena semana.

Sorteio: Buenos Aires Food Week

21 de set de 2013

Hello, meninas! O blog tem crescido tanto que às vezes nem sei como agradecer, logo acredito que sorteio é a maneira mais fácil e rápida de mimar vocês.

Daí que com as meninas fofas do Buenos Aires Food Week e do Mio Hotel, vamos sortear dois vouchers para almoço ou jantar no restaurante do hotel deles, o Sivela 465. Eu não sei se vocês se lembram, mas o hotel já apareceu aqui no blog uma vez como recomendação de hospedagem.


Enfim, o Sivela é o restaurante que está dentro do hotel. E é bem lindo, tipo a cara do blog (insira aqui cara de ternura). O menú vocês podem ver aqui. Bueno, seguem regrinhas:

- Curtir o Buenos Aires para Chicas no facebook.
- Curtir o Buenos Aires Food Week no facebook.
- Comentar aqui nesse post do blog ou na foto do sorteio no facebook, porque você ama a comida argentina (não é difícil). E deixar um email para contato.


Para aumentar as chances de ganhar:
- Seguir o Instagram do blog e usar as hashtags: #buenosairesparachicas #bafoodweek e #chicasebafoodweek (não esquece de mencionar @amandamormito).
- Seguir o Twitter do blog e usar as hashtags: #buenosairesparachicas #bafoodweek e #chicasebafoodweek (não esquece de mencionar @bsasparachicas).

Prêmio:
- 1 voucher válido para 2 pessoas, para almoço ou jantar no Sivela 465, do hotel Mio Buenos Aires. O Mio está localizado na Recoleta na rua Quintana, 465.
- O voucher vai ser entregue via e-mail e o ganhador terá que imprimir antes de usá-lo e apresentar no restaurante.
- Tempo para participar: sábado dia 21 de setembro à terça-feira dia 24 de setembro ao meio dia.
- Dia 24 de setembro às 13h vou publicar o ganhador que terá até o dia 29 de setembro para fazer uso do voucher. É necessário reservar antes mesa no local.
- Válido para qualquer pessoa que estiver durante essa data em Buenos Aires.
- Não é permitida a venda parcial ou total do prêmio.
- O vencedor terá até 1 dia para responder ao contato, caso contrário o prêmio será sorteado novamente.

Qualquer dúvida, avisem! 
Importante: como eu comentei no post de ontem, o valor inclui entrada, prato principal e sobremesa. Não está incluído no preço as bebidas, gorjeta e serviço de mesa. 
Beijocas.

Buenos Aires Food Week: O que Vale a Pena

20 de set de 2013

Buenos traz até o dia 29 a segunda edição do Buenos Aires Food Week. Sou sincera e acho alguns restaurantes valem mais do que outros.

Antes, porém, deixa eu explicar: são apenas alguns restaurantes que entram na lista. Além disso o preço é sempre fixo (99 pesos o almoço e 169 a janta). No preço está incluído entrada, prato principal e sobremesa, mas NÃO está na conta o valor dos cubiertos, bebidas e gorjeta. Ok? Vocês podem fazer a reserva diretamente no site. E em cada restaurante diz certinho o menu que rola e se abre no almoço, janta, ou ambos.
Mooi.

 Dito isso, apresento aqui as opções que EUUU consideraria para ir:
- Almoço ou jantar no Social Paraíso. Isso porque o restô é super bem cotado aqui na cidade.
- Almoço no Mooi. Eu já fiz um post de lá (veja aqui), e acho uma delicinha se você está passeando por Belgrano e precisa comer.
- Almoço ou jantar no Brasserie Petanque. Um dos restaurantes de comida francesa mais tradicionais da cidade.
- Almoço no La Rosa Naútica. Pelo visual, não acho que rola jantar lá porque não vai dar pra ver nada do Rio de la Plata.
- Jantar no Doppio Zero. Amoooo a comida italianinha deles.
- Almoço ou jantar no Mullu. Bem gostoso para comida peruana.
- Jantar no Casa Cruz. Porque né, é Casa Cruz.
- Almoço ou jantar no Sipan. Pra mim, é o melhor restô de comida peruana de Buenos, já fiz post dele aqui.
- Almoço ou jantar no Bernata. Já fiz post aqui também, dá uma olhada.
- Jantar no restô do Jardin Japonés. OMG, que fofo.

Sipan.
O que eu vou ir, mas não conheço e que está todo mundo comentando sobre: Astor.
O que eu fui e curti, achei gostosinho e são as fotos do Instagram de ontem: Francesco. Comi de entrada a Causa, de principal o Lenguado e de sobremesa o Suspiro Limeño. Tomei um Sour de Maracujá.

Mais info aqui:
www.bafoodweek.com
www.facebook.com/BAFoodWeek
www.twitter.com/BAFoodWeek

Bomfinde!

Horários Porteños

19 de set de 2013

Brasil é um país tropical logo, é normal ver horários diurnos na programação (principalmente para quem mora em praia). Tudo começa cedo e termina cedo. Com algumas raridades na programação é sempre antes das 5h que você volta para casa, no caso de balada. 

Aqui em Buenos a coisa é BEM diferente. Porteño tem mania de fazer tudo muito tarde. Mas muito mesmo e isso acaba influenciando na tua programação de viagem, por isso vou salvar tua vida com um esquema de horários para imprimir e trazer pra cá.

Durante a Semana
Porteño sempre dorme tarde. Me lembro que quando eu estava no colegial, tinham umas colegas que chegavam dizendo.

Eu: ''A que hora te fuiste a dormir?''.
Fulana: ''A las 2h.''
Eu: ''Pero, boluda! Son 7 de la mañana, no dormiste nada.''
Fulana: ''No, está bien, 5 horas resuelven. 
Como mucho me voy a dormir a las 12h, antes no, no puedo.''

Benzadeus, queria eu poder dormir tão pouco, ou não: também não é saudável. 
Enfim, porteño não dorme cedo. Prova disso são os programas de TV de maior audiência que terminam tarde, tipo meia noite. Desde que eu vim morar aqui nunca mais consegui dormir cedo, não sei porque. Buenos Aires é tão noturna que é normal ir dormir meia noite, uma da manhã.
Pois muito bem, indo dormir entre as 12h e 1 da matina, você acorda umas 8h. E geralmente entra às 9h no trabalho. Uma hora para chegar é suficiente. 
Portanto, comércio não abre antes das 10h (não adianta). O que você vai encontrar aberto são os mercados, cafés que madrugam (tipo Starbucks, Martinez) e padarias. Ah, farmácias também. Mas de resto, nada, esquece, ok?


E ainda, argentino é tão boemio que quando é meio dia, eles ainda estão falando ''buen día''. Vai vendo. Bueno, meio dia é o horário - no trabalho - que o pessoal saí para comprar comida, mas não necessariamente o horário que você vai comer. Nunca tem ninguém comendo meio dia.
O horário mesmo pro almoço é 1h30 da tarde, umas 2h também. Esse seria o horário mais porteño de almoço, ok? Quem trabalha fica uma hora comendo, quem não fica até umas 4h da tarde, seguido de uma siesta. Argentino tem muita mania de siesta.

Passado o almoço, a merienda de la tarde rola lá pelas 17h/18h. Sempre é um cafezinho bem gostoso. As crianças saem do colégio nessa hora e muitas vezes emendam a saída do colégio e acompanham a mãe num café da esquina. Acho fofo.

E pois bem, quem come umas 18h não tem fome até umas 21h, pelo menos. É nessa hora que a janta começa a ser preparada, o que leva o argentino a comer entre 22h-23h. Tarde, sim, sabemos. E quem come às 23h não vai dormir direto.

Portanto dica: para almoço umas 13h30 é um horário bom, para merienda de la tarde entre 16h e 18h, para janta a partir das 21h30 (máximo), mas o normal é as 22h.


Depois da janta, vem o bar. Chegando umas 23h, meia noite é um horário legal. Mas sempre tem gente que chega uma da matina, etc. Isso porque os bares aqui ficam abertos até umas 4h da manhã no máximo, e depois a balada começa a bombar mesmo às 3h da manhã e rola até umas 6h30 da matina do outro dia. Um rolê né? Pra quem não está acostumado é cansativo, mas pensando que Buenos é noturna, faz todo sentido.

Final de Semana
No final de semana a coisa muda, e fica mais tarde ainda. Porteño acorda super tarde e capaz que você veja um povo tomando café lá pro meio dia (por isso os brunchs aqui são um sucesso, post aqui de brunchs). E claro, tomando café meio dia, só lá pras 2h 30 da tarde que você vai ter fome, e logo mais tarde ainda vai pra merienda (tipo 19h) e só vai jantar lá pelas 23h. Vai pro bar a 1h da manhã e pra balada às 4h. E ainda vai chegar em casa às 8h com fome, não vai ter nada aberto e você vai querer ir tomar café da manhã no McDonald's (como comentei nesse post aqui). Ou seja, é bommm saber esses horários pra não ir jantar às 20h e ainda não ter comida, ou ir tomar café da manhã às 9h da matina e ainda o café não estar aberto.

Resumo...

Durante semana:
10h: café da manhã.
13h30/ 14h: almoço.
17h/ 18h: merienda.
22h: jantar.

Final de semana:
10h-12h: café da manhã.
14h30: almoço.
17h/ 19h: merienda.
22h30: jantar.

Beijocas.

Silvia y Mario: Loja de Couro

18 de set de 2013

Já pensou numa loja de couro que praticamente faz o teu desenho sob medida, é super exclusiva e ainda tem um atendimento prá lá de especial? Então, essa loja existe e é a Silvia y Mario.

Eu já havia colocado eles em outro post no blog, mas daí que fui lá a convite deles e resolvemos fazer um post especial. A loja é bem grande e tem de tudo para todos (pras meninas que curtem tem até cashmere).


Fica ali no bairro de Retiro, perto da Plaza San Martín. E olha, o que eu mais curti neles é a diversidade de modelos que tem.


A loja meio que tira esse conceito de que loja de couro tem que ser meio zoada e que, não há modelos diferentes a solta. Balela, aqui uma das donas até participa na confecção das bolsas e jaquetas e até desenha eles. Um sucesso!


Tão vendo como as coisinhas tem uma onda mais cool e jovem? Eu AMEI literalmente essas bolsas grandonas que combinavam com as botas. Achei muito despojado, uma maneira bem legal de usar couro sem parecer forçado ou quadrado.


Assim como tem várias opções femininas, as masculinas estão por lá também. São várias araras que vão desde couro vacuno até o de carneiro. Os mino pira.


E outra coisa legal a destacar é o seguinte: se você prova e não fica bom, eles arrumam a jaqueta de um dia pro outro.


Ou melhor dizendo, se você quiser uma jaqueta feita especialmente para você, ELES FAZEM. Só levar modelo, daí você chega lá, eles tomam as medidas e de um dia PRO OUTRO está feita.


Fala se não é um sucesso? Eu vi umas jaquetas lá de um pessoal que tinha encomendado, muito legal a ideia! Porque, as vezes, tem mínimos detalhes que a gente não curte, né? Daí você pode ter a sua personalizada, amo muito.


Um pessoal que faz uso do sistema é a tripulação da American Airlines (vide foto), eles mandam fazer lá as jaquetas da cia aérea, show né gente?


Bom, além de jaquetas, tem também muitos acessórios e cashmeres, como disse antes.


O pessoal que atende é um amor, e eles vão fazer você se sentir tão bem que vai passar horas por lá. Garanto. Ah, se for avisa que tá indo pelo Buenos Aires para Chicas, eles vão gostar de saber (:


Bueno, estou pensando seriamente em desenhar a minha própria jaqueta, acho que vai rolar.

Silvia y Mario
Marcelo T. de Alvear 550. Retiro.
www.facebook.com/SilviayMario
www.silviaymario.com
SUBIR
Buenos Aires para Chicas . Todos os direitos reservados. © Maira Gall .