Top 5! Vozes Sensuais em Espanhol

15 de dez de 2014

Essa mania no espanhol de falar "me lo prepare", "te lo hiciste", "a lo de", "te la preparo", "ensinamelo" é taaaan bonito, né gente? Além de soar complicado e latino é SEXY. Fala se não  é verdade? Separei hoje 5 vídeos pra vocês babarem na malemolência latina do castellano.








Buena semana!

Porque minha Vida em Buenos Aires Não é Perfeita

14 de dez de 2014

Quem vê acha que eu vivo um mar de rosas na cidade, né? Sempre tive essa impressão, mas hoje foi demais: recebi dois e-mails, de duas meninas, comentando que morriam de inveja da minha vida na cidade. E ambas me comentaram que querem isso para a própria vida.

Adoro quando as pessoas vem me procurar querendo saber mais como é o dia a dia na cidade, porém eu tenho um blog no qual é necessário chamar atenção. Não fico colocando perrengues e aborrecimentos (se bem que já publiquei alguns aqui) porque não vem ao caso. Sabiam que até eu mesma uso o blog para reler um post ou outro quando estou de mal com a cidade? Hahah, é verdade.


Mas dentro dessa vida da Amanda blogueira, existe a Amanda real. Essa Amanda real se mudou 5x de apartamento nos últimos 6 meses porque, simplesmente, é foda alugar algo pela capital portenha. Esse é o principal problema, no meu ponto de vista, em morar na cidade. E eu realmente gostaria de ajudar mais as pessoas que me gritam pedindo auxílio, mas a real é que eu mesma passo por esse problema.

Sobre sair bastante. Se bem a vida social em Buenos Aires é mais em conta que no Brasil, eu tenho muitos amigos que trabalham em bares e restaurantes e conheço MUITA gente do meio, isso faz com que sempre que eu saia e vou visitar o pessoal, eles acabam dando uma coisa ou outra. E até mesmo o blog faz com que às vezes eu não precise pagar a conta integral, isso ajuda demais. Porque bem ou mal, as coisas em Buenos Aires podem ser mais em conta mas saindo para jantar e bebendo algo, pelo menos, 300-400 pesos vão embora, sem exagerar muito. E fazer isso duas vezes por semana é um orçamento legal dentro do mês que nem sempre se tem.

Eu não reclamo de trânsito porque tenho a sorte de trabalhar de casa, mas quando trabalhava no Centro (a grande realidade de mais da metade da população da cidade) demorava pelo menos 1h30 para chegar no trabalho, um percurso que se demora em média 20 minutos.


Também não comento sobre violência e assalto, mas já fui assaltada 3x em Buenos Aires. É tão violento como algumas cidades grandes do Brasil? Não ainda, mas isso não quer dizer que não há violência. Em uma das vezes me bateram. 

Além dos problemas de relacionamento por aqui (leia-se 9 anos na cidade e nunca namorei um argentino) que eu levo na brincadeira hahaha, há problemas na cidade e me sinto na obrigação muitas vezes de alertar que são raras as pessoas que vem morar em BUE que não passam por perrengues. Mas é natural passar por perrengue e é natural ter pelo menos 6 meses de adaptação. Tem gente que demora mais, tem gente que em dois dias já se acostumou. Mas o que eu quero dizer é que nada é um mar de rosas e vida de princesa. 


Ando dizendo isso porque percebo que muita gente se ilude, acha que porque vai mudar de país os problemas, magicamente, vão desaparecer e vida automaticamente vai traçar um outro caminho. A gente pode fugir de problemas, pode fugir para tentar encontrar paz em outro lugar, mas raramente as coisas saem como planejadas. Fugir, nesses casos, achando que a perfeição tá do outro lado da fronteira é um erro. Porque, gente, simplesmente a perfeição não existe. Ainda mais em se tratando de mudanças, adaptação, reestruturação emocional e vida nova. Não se iludir, nem criar demasiadas expectativas são duas coisas que devem ser treinadas. Pra isso a gente tem que admitir que perrengues sempre vão existir. 

Como Entrar no Frank's Bar em Buenos Aires

11 de dez de 2014

Fim do mistério. Não adianta falar mil vezes que tem post aqui que te auxilia nisso eheh, toda semana eu recebo e-mail de gente me implorando para ajudar a entrar em um dos bares secretos ( já nem tanto) de Buenos Aires. Juro que se a cada ajudinha eu ganhasse 5 reais estaria RYCAAAA.

É muito simples gente: só colocar no Google as dicas que o bar mesmo posta nas redes sociais, não tem segredo. Frank's já não é mais um bar secretíssimo como era antes (antigamente você só conseguia a senha se conhecia alguém que trabalhasse no bar, etc).


Hoje é entrar no facebook deles e twitter e colocar no google as dicas que eles postarem durante a semana. Sempre é uma pessoa, SEMPRE. Sempre também é uma pessoa famosa com história: músicos, pintores, artistas, atores, atrizes, políticos, etc. Ou seja, sempre é também uma pessoa famosa (viva ou não).

É uma senha POR SEMANA e eles abrem de quarta a sábado. Portanto a senha vai valer para toda a semana, e geralmente a pista é publicada no começo da semana. Ok? Não é NADA difícil. A seguir um exemplo:

Pista
De la mano de su manager Brian Epstein, sus canciones empezaron a copar las listas y los conciertos de los Beatles provocaban escenas de histeria entre las groupies, imposibles de controlar. La "beatlemanía" se difundió por Europa, luego por Estados Unidos y más tarde llegaría al resto del mundo. El éxito imparable de la banda, dio lugar a una de sus frases más célebres y polémicas "los Beatles son más populares que Jesucristo".

Gente, muito fácil, concordam? Antes as pistas eram mega difíceis, mas hoje é mais parte de uma brincadeira :)

Sobre achar, Frank's anuncia em suas redes sociais que está na rua Arévalo 1445 em Palermo Hollywood. Sempre tem gente na porta, se por milagre do destino não houver ninguém, é só chegar junto no endereço correto e bater a porta (ao lado direito da porta tem um aviso indicando Frank's). Bateu a porta o segurança vai abrir uma portinhola e te perguntar a senha. Não pode errar, errou não entra. Acertando a senha ele abre a porta e te indica os números do telefone lá dentro. 

Entrando no bar não pode fumar e você tem a obrigação de pedir um trago com os mega bartenders Mati (ex Pony Line) e Nico Castro. Ok? Have fun!

Frank's Bar
www.facebook.com/FranksBar.ar
Arévalo 1445, Palermo Hollywood.
De quarta a sábado a partir das 21h. Tem para comer também e dá para reservar.

Jardins para Beber e Comer

19 de nov de 2014

Meu lado subjetivo entre em cena aqui. Eu amo jardins, tenho queda por qualquer jardim e acho que além de transmitir romantismo na medida certa, nunca vai ser cafona. Buenos Aires tem alguns vários gostosos.

O da Paul French Gallery é um deles. Indo durante a semana o lugar vai estar vazio, a trilha sonora sempre é boa, na minha opinião. Da última vez que eu fui estava tocando John Mayer, XO - uma graça. O café do Decata serve coisinhas gostosas, mas nada de outro mundo, e os chás do Tealosophy que estão por lá também aromatizam demais o ambiente.


Outro jardim lindo e mais romântico frufru (bem mulherzinha) é o do café/ restaurante El Último Beso. Impossível pensar em casamento e não me lembrar daqui. Tudo o que esse lugar tem ecoa amor e cada detalhe é justamente pensado em dramatizar esse sentimento por todos os cantos. Aqui dá pra vir tanto para almoçar, como para tomar um chá da tarde ou jantar também. A casa é bem bonita, mas o jardim aos fundos é bem agradável.


Indo para o lado da Recoleta meu preferido é o do Palácio Hyatt. O hotel é luxuosíssimo e não encontrei nunca um erro sequer por lá. Ali dentro dá para escolher onde se sentar: se perto do bar, do salão de chá durante a tarde, na vinoteca do piso inferior ou no restaurante italiano Gioia do outro lado. Não tem erro, é simplesmente encantador. Não tenho horário de preferência porque nunca está lotado, mas as tardes durante semana sempre tem algo em especial.


O restaurante do Four Seasons é bem delícia também, o Nuestro Secreto tem pratos que agradam todo mundo e vale a pena almoçar lá durante semana. Eu já disse que sou fã da cozinha do Elena (outro restaurante do hotel), pois bem a comida é praticamente a mesma, mas um pouco mais simples e um tiquinho de nada mais econômica.


Fora esses lugares eu sempre comento do jardim do hotel Home, que é uma boa pedida para tomar uns drinks. O restaurante do Jardin Japonés é também bem legal, apesar do sushi não ser dos melhores fica dentro de um dos parques mais lindos da região.


Se você está pelo Centro uma sugestão é a casinha de chás e comidas leves o Como en Casa que fica dentro de um antigo convento, e tem um pátio bem gostoso e cheio de árvores.

Amo jardins!
SUBIR
Buenos Aires para Chicas . Todos os direitos reservados. © Maira Gall .