3 Tours de Bares em Buenos

30 de abr de 2014

Com o feriado se aproximando, muita gente vem curtir as terras da capital. Uma boa maneira de aproveitar os diversos bares da cidade é fazendo uma espécie de mini tour. Eu sempre repito aqui no blog que o país tem uma coquetelaria incrível, e todo mundo deveria dar maior apoio e ir provar sim, muitos muitos muitos tragos.


Por isso vou fazer uma sugestão aqui para cada noite, com o que fazer em cada bairro e assim tirar o máximo proveito das barras porteñas. O roteiro que eu coloquei é em função de qual bar é melhor a cada horário, mas você fica livre pra curtir ele do jeito que quiser, já que os bares são próximos e você pode fazer tudo caminhando.

Dia 1: Palermo Soho
Começa a prévia comendo sushis no Nicky Harrison (Malabia 1764). Ali pelas 21h-22h o jantar está bombando e o Americo que é nosso querido bartender amigo tá na barra da frente comandando as bebidas. Peça alguma combinação de drink com peças boas. Os atendentes vão saber te auxiliar na harmonização.
Saindo de lá você pode esticar no Verne (Medrano 1475), onde temos o Fede Cuco. Pelas 23h, o bar está com uma quantidade legal de gente e você pode se sentar à barra e ver ele ou a Meli fazendo cocktails gostosos acompanhados de bom humor e histórias interessantes. O menu sugere uma volta ao mundo em sabores, podendo assim provar drinks com estilo mais europeu, ou argentino.





Lá pela meia noite e meia você pode abrir espaço para o bar mais lindo de Buenos Aires, na minha opinião, que é o Isabel (Uriarte 1664). Repare bem no décor e deixe que os meninos de lá te encantem com os drinks, peça sempre sugestão e se deixe levar pelas ótimas músicas que tocam no lugar. Para se sentir em um comercial do 272 VIP, Carolina Herrera, de verdade. Finaliza a noite no Rio Café (Honduras 4772), que apesar de não ter as melhores bebidas da região é onde tem um agito interessante.

Dia 2: Palermo Hollywood
Comece mais cedinho, lá pelas 17h no Home (Honduras 5860) no hotel de mesmo nome, se sente no jardim e aproveite os drinks frutais que são a especialidade da casa. Reze para o tempo estar bonito e aproveite para relaxar por lá, se quiser comer as bruschettas são bem apetitosas.
Seguindo a rota pegue um táxi e vá para o 878 (Thames 878), um dos bares mais clássicos da cidade e que já existe há tempos. Por lá a barra está sendo renovada e há movimento sempre.


No caminho, vá até o Franks (Arevalo 1445). Sim, aquele bar que você tem que ter senha para entrar. Se prepare para a badalação, para o show dos bartenders, para ver gente bem vestida e se sentir nos anos 20.
Finalize bem e no estilo rock no Leitmotiv (Cabrera 5696). O bar, que está melhorando a cada dia, conta com a presença do querido bartender colombiano Edgar. Pura diversão e drinks a preços honestos.

Dia 3: Recoleta/ Retiro
Pony Line (Posadas 1086) é a primeira parada. O bar do hotel Four Seasons é um deslumbre e alinhado com a comida do restaurante Elena então, não há lugar que combine melhor gastronomia e coquetelaria na cidade.
Depois de uns tragos você pode sair de lá e ir direto para a barra do Danzón (Libertad 1161), aproveita o bar lindo de luzes que eles tem e aprecia um dos tantos vinhos da carta de lá. Danzón é também um dos bares mais clássicos da cidade e sempre uma opção segura de saída. Logo depois, dos mesmo donos você pode esticar no Basa (Basavilbaso 1328) lá pelas 11h30.


O bar comandado pelo Ludovico tem uns drinks impecáveis feito por quem nasceu em família gastronômica e por quem está no mercado há tempos. O bar vai te levar à NYC seja pela ambientação ou pelas músicas.
Do lado de lá temos também o Floreria (Arroyo 872) para você terminar a noite. Além de lindo e com uma equipe nova talentosa, o bar do Tato arrebenta na night. Quem vê de fora não imagina, mas lá dentro é um drink atrás do outro e uma música atrás da outra. Quem for manda "saludos" pro meu amigo Leandro.



Dia 4
Leia esse post.

Buen feriado!
SUBIR
Buenos Aires para Chicas . Todos os direitos reservados. © Maira Gall .