Orgia Gastronômica Árabe no Sarkis

19 de jun de 2012

OHMYGOD, OHMYGOD, OHMYGOD.

Sério, não tem como começar a falar do Sarkis sem dar uma de louca. GEZUIS, eu se pudesse iria lá toda semana. Ô restaurante BOM viu, mas BOM mesmo, comida e-x-c-e-l-e-n-t-e, atenção ÓTIMA e um ambiente suuuuper agradável. Já deu de ser louca? Ah antes, devo dizer que não sou vendida e que não me deram nenhum tipo de desconto no local (por isso eu faria qualquer coisa), tudo aqui é MUITO sincero. Vem conhecer:


Sarkis é um restô árabe-armenio na Villa Crespo. Já disse que eu amei o local? Sim, né, next. Sempre LOTADO, mas lotado mesmo dá de tudo, desde nativos, até estrangeiros, passando por mini pessoas e velhinhos.


Galera toda sorridente porque conseguiu uma mesa no Sarkis. Anotem: se chegar na hora da fome, entre 21h e 22h calcule que você só vai entrar em duas horas e meia no local. Sério, foi isso que aconteceu comigo e com o Léo quando fomos. 'Amanda, quero comida árabe', 'Bora pro Sarkis então!'. Chegamos lá 22h, entramos a meia noite e fechamos o restaurante as 3 da manhã quando já as cadeiras estavam em cima das mesas. SÓ haviam 67 MESAS, não pessoas, na nossa frente quando chegamos.


Enfim, mas a onda lá é TÃO boa que até os cozinheiros pararam pra uma foto. Quanta simpatia!


A foto aí de baixo, eu acho, que deve ser do fundador do local, é bem interessante, são vários retratos dele na casa.


Começamos os trabalhos com uma garrafa de vinho tinto. Eu e o Leo tínhamos decidido comer até não aguentar mais e com um teor alcóolico guela abaixo seria tudo mais fácil. O garçom nos recomendou Norton Malbec clássico por $45 pesos. Bora pra dentro! E umas 4 taças pra cada um e eu saí de lá rindo a toa. Não a toa, vou mostrar porque.


Nem bem nos sentamos veio uma cestinha de pães árabes que estavam DELICIOSOS. Aliás devo confessar que não comemos tudo com medo de empanturrar a pança e não ter lugar pro resto da comida, mas esses pães, olha...


Shiii Amanda, foco! Pedimos kibe cru armenio, meia porção de entrada. Leia: meia porção. Sim, tudo aqui é super bem servido e ninguém passa fome. Mas esse kibe suculento com nada de trigo e ainda com uma saladinha megaaaa temperada, OHMYGOD. Não sobrou nem pra contar história. Veja bem essa suculencia vermelha no prato, veja bem como as cebolas caem no kibe cru.. Ok, me acalmei.


Pros principais pedimos: Arroz Piaf, porção inteira com cabelinhos de anjo. Nem mamãe faz igual e nem devo dizer o quão espetacular era.


E o ÁPICE da noite ficou por conta do Kafta de Cordeiro Completo com Iogurte e salsinha. No estilo Ana Maria Braga: ''Soltem os cachorrooooooossssssssss''. Não, cachorro não é sexy, é um OHMY. Gente, vocês não tem IDÉIA do sabor que era esse kafta. Humilde opinião? Melhor prato principal do ano so far em Buenos, e olha que já comi em MUITOS locais esse ano. Vocês não tem noção do que é esse molho espalhado lindamente e suculosamente (?) nessa carne enrolada como se fosse grandes almôndegas... Marry me kafta.


E tristes já, ou melhor, sem espaço na barriga fomos de Sarkito's Dessert, recomendado por umas meninas norteamericanas que fizemos amizade na fila do restaurante. Simples: sorvete de creme e chocolate A-F-U-N-D-A-D-O, sim muito afundado/ naufragado/ degolado no whisky. Gente, quanto amor. E nozes em cima com cobertura de choco pra ser mais precisa. E olha, esse é a foto mais porn que eu já tirei de um sorvete.


OHMYGOD, se eu digo que está fácil no meu top 3 de restaurantes de Buenos vocês acreditam em mim e não acham que estou exagerando? Dica: troquem um dia, pelo menos, a carne argentina e venham ao Sarkis. Mas eeeee já disse que não sou vendida e que nem trabalho pra eles! É aqui quando eu falo que as vezes comida é melhor que sexo... PAREI!

Sarkis
Thames 1101. Villa Crespo.
Não tem site, nem facebook, muito menos twitter. Mas tem uma das melhores comidas de Buenos Aires.
Ah, o preço é ótimo, tudo ficou em $80 pesos por pessoa com gorjeta.

10 comentários

  1. meninas, sou arquiteta brasileira formada pela usp e moro em buenos aires.faço reformas e consultorias de decoração e arquitetura sustentável (cobro por hora, ideal pra quem não quer gastar e precisa só de umas dicas). meu blog é estudiolampada@wordpress.com

    ResponderExcluir
  2. Amanda, vc sabe o horário de funcionamento do Sarkis? Obrigada!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ACHO que é no almoço e na janta a partir das 20h :)

      Excluir
  3. Só li este post agora e pedi o mesmo prato quando fui ao Sarkis. Tão bom, tão bom, que penso nele o tempo todo :( Como faz? huahuahuahuahua

    ResponderExcluir
  4. Que restaurante M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O! Eu tava loucaaaa por um Arabe e esse superou todas as minhas expectativas de restaurantes bons em Bue! Amanda, obrigadaaaaaa mesmo por dividir com a gente as suas experiencias, estou morando na Argentina a pouco tempo e o site virou meu guia, rs! =)
    Beijoo!

    ResponderExcluir
  5. Gente do céu! Deu até fome aqui agora... Será que ainda está lá, do mesmo jeitinho, com o mesmo cardápio?? Pq eu quero de tudo!!!
    Tb fiquei curiosa quanto ao horário no almoço.. vou encaixar esse no meu roteiro já!!
    Besos

    ResponderExcluir
  6. OHMYGOD!!! Vi sobre o Sarkis em outro blog e joguei no google pra pesquisar mais. Tcharam!! Essa foi a primeira referência que cliquei e já to babando. Amei sua escrita e as fotos (em especial a porn, que me fez rir demais... rs)

    Parabéns e obrigada pelas dicas. To indo pra BsAs depois de amanhã e vou sugar (e comer) suas informações sobre a cidade.

    bjs

    ResponderExcluir

SUBIR
Buenos Aires para Chicas . Todos os direitos reservados. © Maira Gall .