Pelas Ruas da Villa Crespo

20 de jun de 2012

É tendência, é o novo point. Ainda que lotada por outlets e um corre corre de gente que quer fazer compras, o bairro guarda sua boemia, seu encanto. Caminhar pelas ruas da Villa Crespo fora do epicentro consumista é se deparar com um bairro super residencial, de restaurantes incríveis a preços acessíveis e de gente que parece vinda do interior, tamanha educação.


É caminhar por uma Bue bem remota, de pessoas que entendem o bom da redondeza e quem sabe se deliciar com o já tradicional brunch do Malvón?


A arquitetura local não é imperial, digna de bairros afrancesados, mas ainda guarda seus mistérios entre árvores que quase cobrem as suas ruas.


É, eu disse que as pessoas pareciam vindas de interior. Olhem só os detalhes das árvores da rua Juan Velazco, são adoráveis né? Todas decoradinhas, ao fundo o Hotel Querido.


E as árvores, mesmo que não decoradas, dão cor as ruas do bairro.


Cor outonal diga-se de passagem.


Ainda vale ressaltar algumas lojinhas locais que a Mari sempre está falando no My Villa Crespo, como a Variopinta Objetos.


E eu já disse, mas a proposta gastronômica da Crespo é imperdível e quando eu terminar de percorrer a área vou poder dizer se não é a melhor da capital. Eu poderia passar horas citando vários restaurantes que ainda vou por no blog, mas já deixem anotado: Sarkis para comida árabe e orgia de sabores como eu já postei aqui no blog, La Crespo para um café, o melhor brownie de Buenos e uma dona super atenciosa, La Cocina Discreta para um restaurante maravilhoso a portas fechadas. Salgado, comida italiana de desmanchar na boca. E vários outros.


Como o recém inaugurado, La Petite Momó, de comidinha take away que fiz questão de parar pra comprar alguma delicinha e prometendo voltar pra tirar mais fotos. Os donos são MUITO educados, (além de lindos, e isso é uma coisa que temos declarar no bairro).


Mas as cookies de chocolate são deliciosas, e eu que estou de dieta, comi todas em menos de 15 minutos, sério preciso provar o resto dos quitutes.


Amem a Villa Crespo, não só seus outlets!

2 comentários

  1. Ai, ai, saudade! Eu amo a Villa Crespo e a culpa é da Mariana, do Ali e do Querido. Villa Crespo e eu, desde 2010, maior love!

    ResponderExcluir

SUBIR
Buenos Aires para Chicas . Todos os direitos reservados. © Maira Gall .