5 Clássicos Argentinos

22 de nov de 2012

Se tem algo que eu sempre amei foi literatura argentina, não sei se é porque eu sempre fui louca por essa narrativa meio insana, dramática e passional ou se é porque simplesmente, existem autores argentinos sensacionais. Vou listar 5 livros que eu acho que todo mundo deveria ler, de 5 autores diferentes.

Ah, antes de citar vale dizer que o povo aqui lê demais, mas muito mesmo. Exemplo? Média de livro que eu tinha que ler no colégio era de 15 por ano, mínimo. E eu acho isso ótimo.

- Bestiario, Cortazar
Eu não sei se foi pelas circunstâncias nas quais eu comecei a ler esse livro, mas Bestiario, certamente, é meu preferido entre os argentinos. Um livro de contos saido do genial Cortazar, puro sonho, fantasia, tem que estar bem compenetrado para entender entre as linhas do escritor a viagem que ele faz a cada relato. Ainda que tenha sido o primeiro livro no qual ele disse sentir realmente que tinha expressado o que queria, ainda dá pra completar essa genialidade com um comentário do próprio ''Varios de los cuentos de Bestiario fueron, sin que yo lo supiera (de eso me di cuenta después) autoterapias de tipo psicoanalítico. Yo escribí esos cuentos sintiendo síntomas neuróticos que me molestaban''. Compre aqui.

Foto: Reprodução.

- El Hacedor, Borges
Entre os livros de Borges, e não sei se é porque eu amo tanto Cortazar, que acho difícil entender Borges, esse é um dos que eu mais curto. Talvez porque seja bem pessoal - o livro contem muitos relatos. Pura inspiração própria com lembranças pessoais que se misturam, também, a fantasia e ficção. Compre aqui.


Foto: Reprodução.

- La invención de Morel, Adolfo Bioy Casares
Livro mais famoso do autor, de 1940. O protagonista é um preso condenado a prisão perpétua que consegue fugir e chegar até uma ilha, onde passa o tempo inteiro narrando tudo o que vai acontecendo. Pura fantasia, também (acho que eu amo livro fantasia argentino). Amor, imortalidade, pra pensar depois. Compre aqui.


Foto: Reprodução.

- El túnel, Sábato
Acho que esse livro define bem essa coisa passional que eu tanto amo nos escritores argentinos, talvez porque o livro trate disso, literalmente. Um pintor, protagonista da história, mata a mulher que ama em meio a paixão desenfreada, ciúmes. Uma história de amor e morte em que o autor vai corroendo cada mentira, cada infama sobre os motivos pelos quais o personagem matou quem matou. Sábato é bem negativo e por isso vai definhando o personagem a medida que a leitura vai se fazendo mais profunda. Compre aqui.


Foto: Reprodução.

- Cuentos de amor de locura y de muerte, Quiroga
A insanidade do autor já começa no título, sem vírgulas como ele queria. E como o próprio revela, são 15 contos que centram sua trama em amor e morte como assuntos principais. Outro tema tratado é também a loucura humana que cede aos instintos da raça. Não enlouqueça. Compre aqui.


Tem algum pra indicar?

23 comentários

  1. Adoro todos os escritores que tu citaste, acrescentaria mais uma obra de Borges - Ficciones, amei quando li e do Quiroga o livro "Cuentos de la selva", é pra ser infanto-juvenil, porém traz significados para todas as idades. Adoro poesia argentina também, vale a pena ler as poesias de Borges e da Alfonsina Storni.
    Adoro teu blog, virou minha leitura diária.
    Besotes!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Amanda!!

    Estarei na Argentina a partir do dia 30/11 e ficarei por aí uns 6 dias. Você poderia indicar onde tem sebinhos pra gente comprar uns bons livros (só que mais baratinhos?! rsrs). Já vi que você postou sobre uma livraria.

    Bjão.
    Adoro seu blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Libros mas baratos se consiguen en las ferias (no la de san telmo). En el parque rivadavia hay feria los fines de semana donde se compran y venden tanto libros como discos antiguos y usados.
      En las librerias de la calle corrientes tambien se consiguen buenas ofertas.
      No puedes dejar de pasar por la libreria ateneo grand splendid (en la calle santa fe casi esquina callao) si eres amante de la lectura.
      espero te sirva

      Excluir
    2. Oi Loyde! Assim como Adrian (gracias por la respuesta) disse, nas feirinhas de bairro sempre tem. Mas eu acho que na Corrientes tem a maior diversidade, assim como nos stands que sempre estão na Plaza Italia, em Palermo :)
      Besos

      Excluir
    3. Gracias!! rs Vou seguir suas dicas, Adrian! E obriagada, Amanda, pelas indicações de leituras. Sou formada em Letras Português, e tô afim de conhecer mais a literatura argentina: vou comprar os clássicos indicados!

      Excluir
  3. ♥ Cortázar e Borges, sensacionais.

    ResponderExcluir
  4. "La Invención de Morel" é realmente um livro muito bom, é inspirador.

    Já leste "El Beso de La Mujer Araña", do Manuel Puig?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe que nunca li Puig? Mas já ouvi falar super bem! Recomenda?

      Excluir
    2. Sério que não leste? É ótimo, recomendo sim, o estilo dele é bem diferente do Borges, do Bioy Casares e do Cortázar, e talvez por isso mesmo seja tão bom (não que os outros sejam ruins - longe disso -, mas é que eu acho bom dar uma variada).

      Excluir
  5. Amanda eu te mandei email confirmando que eu paguei o kit e você não me retornou ainda!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. oi Amanda
    Continue postando sobre livros...seria muito interessante se vc postasse sempre os que tem lido...Juro que me deu uma vontade de aprender espanhol para ler esses livros...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Simm pode deixar que vou postar sempre que der! Eu amo ler em espanhol, acho tao delicia! Beso

      Excluir
  7. vou me dar algum de Natal pra ler nas férias no Brasil!
    excelente post, Amanda!

    ResponderExcluir
  8. Amo ler, mas de todos estes o único que li foi Bestiário, em 1989..rs...e a passagem que mais me marcou foi "....senti que ia vomitar um coelhinho..", sempre que tenho uma sensação de angústia, ansiedade peno nisso, que de repente posso vomitar um coelhinho...rsrsrs e, como esquecer de Casa tomada, às vezes dormindo ouço uns barulhos e me lembro desse conto...Amandita, vc se supera a cada dia!!, amei!! besos!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahah Kina, viajando nos livros! AMO MUITO! Bestiario é MUITO bom.

      Excluir
    2. To lendo um em espanhol, mas do Garcia Marquez, um que já li me português, Doce cuentos peregrinos. Comprei um outro, em português e espanhol, que trata da vida do José Saramago e sua mulher, Pilar: "José e Pilar Conversas Inéditas" de Miguel Gonçalves Mendes, português. O livro nasceu depois do filme José e Pilar, do mesmo autor. Besos...P.S.: Enquanto não faço o curso de espanhol, vou me aventurando na literatura, o que eu não entendo, marco e procuro no dicionário...rsrs, mas ler é bem mais fácil que 'hablar'....rs...Besoss!!

      Excluir
    3. Com ctza! Eu sou assim com francês, leio super, agora falo NADA!

      Excluir
  9. OMG, esse blog é show de bola, viu!!!
    Além de todas dicas culturais, gastronômicas e de compras, nos proporciona também um banho de intectualidade. Uhuuuuuu!!

    PARABÉNS, pelo EXCELENTE post, Amandita (olha a intimidade, risos).

    Besos!!!

    ResponderExcluir

SUBIR
Buenos Aires para Chicas . Todos os direitos reservados. © Maira Gall .